5 de out de 2017

Publicado em:

ISLÂNDIA É BELEZA PURA

destaques
10 MOTIVOS PARA VISITAR ESTE PAÍS INCRÍVEL.



Não se deixe enganar pela tradução “Terra do Gelo” do inglês Iceland para caracterizar a Islândia. Embora tenha muito gelo nesse pequeno país europeu, ele esconde muitas paisagens interessantes e pitorescas.

A Islândia é um dos países nórdicos que ficam ao norte da Europa, vizinho da Suécia, Dinamarca e Noruega. A ilha está sobre assentada em uma cordilheira que divide placas tectônicas que separam Europa e América do Norte e, por isso, é um lugar com bastante atividade geológica.

A população da ilha é 320.000 habitantes, sendo que mais da metade dos islandeses vive na capital Reikjavik. Em islandês, o nome significa “ilha de vapor” (Reyk: vapor, Vík: ilha).

O país é considerado um dos mais pacíficos do mundo. Por lá não há nem Forças Armadas. Outro dado bem interessante é que quase o total da energia elétrica produzida pelo país provém de fontes renováveis.

Por causa de sua localização, o verão na Islândia é muito curto e a temperatura média em um dia de verão é de 15º C. Imagina o frio no inverno! Curiosamente, por causa do clima oceânico, as temperaturas não costumam ficar muito abaixo de zero nos meses mais frios.

Paisagens incríveis

A Islândia tem belos e diferentes passeios para quem deseja se aventurar pela ilha. E não pense que a sua paisagem é formada apenas de gelo. Tem muito fogo, também, por lá.

A melhor opção para conhecer o país é fazendo uma viagem de carro pela Route 1, conhecida por Ring Road, uma estrada circular de cerca de 1.332 km. Para percorrê-la com tranquilidade, é preciso dispor de 7 a 10 dias, a depender da época do ano. Vamos conhecer algumas curiosidades e os belos lugares do país.

1. Vulcões

O vulcão Eyjafjallajoekull está localizado numa geleira e paralisou todo o tráfego aéreo europeu em 2010 por causa da fumaça que expeliu. Havia o receio de que as turbinas dos aviões fossem afetadas.

2. O Sol da Meia-Noite

A Islândia está às margens do Círculo Polar Ártico e, devido à alta latitude, os dias são longos no verão e as noites, intermináveis no inverno. No verão, o sol se põe à meia-noite, segundo o Mundo Estranho. Difícil fechar os olhos para dormir com tanta claridade, mas para tudo se dá um jeito!

3. Blue Lagoon



Blue Lagoon é um spa de águas termais a 39 quilômetros de Reykjavík. As suas águas quentes (40 ºC) têm propriedades medicinais e proporciona um efeito relaxante, mesmo em dias frios. Um banho destes, imerso em uma paisagem surreal, é único no mundo!

3. Gêiseres



No vale Haukadalur, o visitante pode ver os famosos gêiseres da ilha. Um gêiser é uma nascente termal que entra em erupção periodicamente, lançando uma coluna de água quente e vapor. Trata-se de um fenômeno raro, pois a formação de um gêiser requer condições favoráveis, como estar próximo de locais onde ocorrem atividades vulcânicas ou muito calor subterrâneo.

4. A maior geleira da Islândia

Skaftafell é um parque nacional da Islândia onde abriga a sua maior geleira, Vatnajökull. É lá onde são gravadas as cenas da muralha da série Game Of Thrones. Para chegar até lá, é preciso agasalho e disposição. Turistas que praticam hiking também vão ao local.

5. Jökulsárlón, o lago de icebergs



Depois de Skaftafell, há uma paisagem incrível: um lago gelado de icebergs! É claro que está sempre cheio de turistas, visto que se trata de uma passeio alucinante!

6. As fumaças de Hverir



Hverir é uma fonte termal com pequenas poças de água borbulhantes e azuis. O cenário é lindo, mas tem um senão: um cheiro horrível. O mau odor é provocado pelo enxofre. Segundo os Nômades Digitais, o cheiro podre não combina nada com um lugar tão bonito.

7. Silfra

Se você gosta de mergulhar, Silfra é uma fissura entre placas tectônicas localizada no Parque Nacional Thingvellir. Ela é cheia de água cristalina.

8. Lago Myvatn



Já se você curte mesmo é fazer caminhadas, a opção é a cratera vulcânica Kerið e a cratera Hverfjall, na região do Lago Myvatn.

9. Vilarejos pitorescos

Percorrendo o país, é possível ver os pequenos vilarejos com suas casinhas de madeira coloridas. Parar em um deles para tomar um vinho e apreciar a Aurora Boreal não é nada mal, hein?

10. Aurora Boreal



Para vê-la é preciso que a natureza dê uma forcinha, já que vários fatores precisam estar em confluência para que a Aurora Boreal dê o seu show. Entre eles: a atividade dos ventos solares, a quantidade de nuvens, a claridade do céu e a latitude. Sem dúvida, uma experiência especial e inesquecível!

Natureza em risco

Apesar de suas belezas naturais e de ser um país bastante tranquilo para se viver, nem tudo é perfeito na Islândia. Segundo um artigo de SindriEldon para o site Vice, desde 2013, uma ala política conservadora vem tentando privatizar a saúde na ilha, que sempre funcionou muito bem pelo sistema público, além de importar armamento da Noruega para um país onde praticamente não há crimes.

As autoridades locais também vem tentando industrializar a ilha a qualquer custo, vendendo suas terras para empresas estrangeiras construírem usinas de energia e refinarias de sílica. Ou seja, a natureza única da Islândia está em sério risco.

Infelizmente, a força do capital privado chega a locais tranquilos onde as pessoas vivem felizes, até que o caos invade as suas vidas.

"Venha ver a natureza antes que ela seja destruída (...) Mas venha rápido, antes que as pessoas no comando afundem o país", aconselha Sindri.

Fonte: https://www.greenme.com.br - por Gisella Meneguelli

Alfredo de Pontal

Autor & Editor

O portal Águas de Pontal abre as cortinas para mostrar o grande espetáculo da vida proporcionado pela Mãe Natureza e seus atores: o ser humano íntegro voltado à reconstrução.

 

Não perca nossas publicações...

Inscreva-se agora e receba todas as novidades em seu e-mail, é fácil e seguro!

Desenvolvido por YouSee Marketing Digital - Nós amamos o que fazemos
| Hosted in Google Servers with blogger technology |: