8 de jun de 2017

Publicado em:

Meio bilhão de embalagens de shampoo serão produzidas a partir de plásticos retirados das praias

meio ambiente
Estima-se que 10 a 20 milhões de toneladas de plástico acabam nos oceanos a cada ano.


Existe grande dificuldade em retirar e tratar tais resíduos. | Foto: iStock by GettyImage

Você sabia que a cada segundo mais de 200 quilos de lixo vão parar no mar e que até 2050 haverá mais plástico do que peixes nos oceanos? O grande problema desse descarte inadequado, além de afetar diretamente nosso ecossistema, é que esses resíduos também são extremamente prejudiciais à saúde dos animais, que muitas vezes acabam por ingerir ou até mesmo se ferindo com estes materiais. Estima-se que 10 a 20 milhões de toneladas de plástico acabam nos oceanos a cada ano e relatórios recentes confirmaram que até os animais que habitam as águas mais profundas, estão sendo impactados por este resíduo.

Pensando em solucionar esse problema e ainda reaproveitar o resíduo marinho, a P&G desenvolveu uma parceria com as empresas especialistas em reciclagem, TerraCycle e SUEZ, para produzir embalagens feitas de plástico pós-consumo para os shampoos da linha Head & Shoulders. Inicialmente, a edição estará disponível na França em julho deste ano, mas já possui planos de expansão para outros países do mundo. A marca também anunciou no Fórum Econômico Mundial, em janeiro, que até o final de 2018 usará 25% de plástico reciclado na produção de todas as embalagens de seus produtos na Europa.

A coleta nas praias, rios, portos e outras vias navegáveis conta com o apoio de milhares de voluntários e ONGs, já que o projeto exige um fornecimento de milhares de toneladas de plástico reciclado todos os anos. Além disso, existe grande dificuldade em retirar e tratar tais resíduos, afinal, muitas vezes encontram-se dispersos em locais de difícil acesso e contaminados com outros componentes que podem, eventualmente, alterar sua composição química. O plástico será processado e enviado para a P&G para a produção das embalagens de shampoo e todo o material rejeitado será utilizado para a produção de móveis como bancos e mesas de piquenique que serão doados a intituições sem fins lucrativos.

“Esta parceria representa um passo importante para a TerraCycle. Estamos orgulhosos em trabalhar com uma das maiores marcas do mundo para conceber um produto inovador. Criar a primeira embalagem de shampoo reciclável do mundo com plásticos retirados das praias, é o início de uma jornada importante e bastante desafiadora. Com a economia circular ganhando mais tração, esperamos que outras marcas globais trabalhem com soluções verdes e usem sua influência para impulsionar a mudança em benefício do meio ambiente “, explica Tom Szaky, CEO da TerraCycle.

Fonte: http://ciclovivo.com.br

Alfredo de Pontal

Autor & Editor

O portal Águas de Pontal abre as cortinas para mostrar o grande espetáculo da vida proporcionado pela Mãe Natureza e seus atores: o ser humano íntegro voltado à reconstrução.

 

Não perca nossas publicações...

Inscreva-se agora e receba todas as novidades em seu e-mail, é fácil e seguro!

Desenvolvido por - Nós amamos o que fazemos
| Hosted in Google Servers with blogger technology |:

Fechar